SEARCH

Find the ideal solution for your business

While you browse, we've recycled:

0 kg of plastic

Machines

Como Melhorar sua Aplicação de Filme Stretch

29 de September de 2022

Dando sequência em nossos artigos sobre filme stretch, hoje falaremos em como utilizar dos conceitos e propriedades já abordadas nas últimas publicações para melhorar sua aplicação de filme e garantir assim mais eficiência e segurança para seus produtos.

Se ainda não conferiu nosso guia definitivo do filme stretch acesse através do link: https://www.valgroupco.com/maquinas/guia-definitivo-do-filme-stretch-parte-2/

 

Conceitos de Aplicação do Filme Stretch

 

Um erro muito comum cometido na utilização do filme stretch pelas mais diversas empresas é acreditar que quanto mais filme é adicionado à carga, maior será a sua estabilidade ao longo dos transportes.

Através de diversas visitas a nossos clientes e estudos em nosso LTC, comprovamos que essa premissa além de gerar um grande impacto financeiro devido ao alto custo com a embalagem, também torna a operação menos eficiente e sustentável, por diminuir a produtividade das linhas de envolvimento e não garantir que os paletes cheguem seguros ao cliente final.

Outro erro muito comum é acreditar que qualquer tipo de filme pode ser aplicado por qualquer máquina e em qualquer produto. Como vimos anteriormente, o filme stretch é um filme bastante técnico, repleto de características e propriedades complexas que, se não entendidas e bem exploradas na aplicação, podem gerar problemas nas operações logísticas.

 

Então como podemos aplicar o filme stretch de forma eficiente?

 

Para melhorarmos o entendimento sobre aplicação, devemos compreender que a quantidade de filme utilizada no envolvimento de um palete, a princípio, não deve ser considerada como fator fundamental para sua estabilidade. O consumo de filme é, na verdade, consequência do tipo de stretch utilizado, dos recursos disponíveis nas máquinas e dos parâmetros de aplicação nelas programados, sendo assim, não necessariamente representa um meio de se aumentar a segurança.

De maneira direta, se você está adicionando mais filme em seus paletes esperando que os tombamentos e perdas de produtos no transporte sejam eliminados, você está jogando dinheiro fora!

A seguir, trazemos de forma prática todos os fatores fundamentais de serem controlados e acompanhados para melhorarmos a utilização do filme stretch.

Lembrando que para ajudá-los a aumentar a eficiência de suas aplicações e reduzir assim os custos de sua operação, compilamos todo nosso know-how em filme stretch e segurança de carga, obtidos com anos de experiência em nosso LTC, e desenvolvemos as melhores máquinas envolvedoras do mercado, munidas com os mais avançados recursos de envolvimento e entregues aos nossos clientes com um serviço gratuito de consultoria em aplicação. Acesse nosso site e conheça nosso portfólio diferenciado!

 

Fatores fundamentais para uma boa aplicação de filme

 

Basicamente, quatro são os fatores responsáveis por entregar estabilidade para os paletes e controlar melhor o consumo de filme: a quantidade de voltas, a sobreposição, o pré-estiramento e o tensionamento do filme aplicados à carga. Evidentemente que de nada adianta o controle desses parâmetros sem a utilização de um filme stretch condizente com seus produtos e máquinas. Sempre procure fornecedores aptos a lhe entregar a fórmula da aplicação perfeita: filme de alta performance e receitas de envolvimento inteligentes.

 

1. Número de voltas no palete

O número de voltas representa o número de rotações do filme ao redor da carga. Em máquinas de plataforma giratória, o cabeçote com a bobina é estático e o palete é quem faz o movimento de rotação. Já em máquinas orbitais e de anel giratório, a carga é estática e o cabeçote com a bobina é quem rotaciona ao seu redor. Em ambos os casos, a carga extrai o filme da bobina realizando o envolvimento dos produtos unitizados, sendo o número de rotações ao redor da carga contabilizado ao fim do ciclo. Importante salientar que a parte mais importante de uma carga paletizada é sua base, ou seja, a primeira camada que fica sobre o palete de madeira, portanto é imprescindível uma maior quantidade de voltas nessa região.

 

2. Sobreposição

Para realizar um envolvimento completo é preciso que o filme além rotacionar, também realize o movimento de subida e descida de modo a se cobrir toda a área lateral da carga. Este deslocamento vertical é responsável pela sobreposição de filme (ou overlap), que é definida como a largura da camada de filme que se sobrepõe a camada de filme depositada na volta anterior. Recomenda-se, para cargas mais críticas, que pelo menos 50% de sobreposição seja utilizado para garantir a estabilidade das camadas centrais da carga.

 

3. Pré-estiramento

Como vimos no artigo anterior, o pré-estiramento é a principal propriedade de um filme stretch. Durante sua aplicação, ele é definido como o processo de se estirar o filme ainda no cabeçote, através da diferença de velocidade entre os rolos emborrachados da máquina, antes mesmo dele ser liberado para entrar em contato com a carga. Sua função é aumentar a rigidez do filme e reduzir seu consumo. Para maior segurança dos produtos, procure sempre filmes e máquinas que permitam pré-estiramentos acima de 200%, de preferência máquinas com pré-estiramento variável, como é o caso de nossa máquina HP88 Optima.

 

4. Tensionamento

O tensionamento é o processo responsável por aumentar a compactação da carga, isto é, fazer com que o filme pressione os produtos para prover mais estabilidade. Ele se ocorre através da diferença entre a velocidade de alimentação de filme (quantidade de filme liberada pelo cabeçote) e a velocidade com que a carga o requisita (relacionada com o perímetro da carga e com a velocidade de rotação da máquina). De forma simples, o tensionamento é gerado freando o filme que sai do cabeçote ou aumentando a velocidade de rotação da máquina.

Importante destacar que para cada tipo de filme e produto, existe um nível de tensão adequado, o qual só pode ser determinado com precisão através de ensaios de aplicação e simulação de transportes como os disponíveis em nosso LTCAltos níveis de tensão podem gerar diversos problemas como amassamentos de embalagens, danos nos produtos e rompimentos de filme, causando muitos prejuízos na operação.

Através de um acompanhamento regular destes parâmetros e, principalmente do filme utilizado e das condições das máquinas envolvedoras, é possível obtermos ganhos significativos em segurança, eficiência e redução de custos. Portanto, não deixe de nos acompanhar aqui para elevar o nível de sua operação e aprender mais com nossas dicas.

Estamos a disposição para ajudá-los a melhorar a performance de suas aplicações!

Entre em contato conosco agora mesmo e agende uma avaliação grátis de seus processos!